6.4.17

DICAS PARA DECORAR UM APARTAMENTO ALUGADO




É verdade que decorar um apartamento alugado pode ser um desafio muito maior do que um imóvel próprio. Mas eu gosto de pensar que também é uma grande oportunidade para soltar a criatividade e colocar a mão na massa para, com jeitinho, imprimir a nossa identidade nos espaços e deixar o lar com a nossa cara.


    


Em um apartamento alugado geralmente temos uma série de restrições impostas pelo proprietário que nos impedem de fazer grandes mudanças e precisamos fazer tudo funcionar com a estrutura que o imóvel tiver. Ou, ainda que possamos fazer mudanças estruturais, furar paredes etc, o ideal é não fazer grandes investimentos por se tratar de um imóvel temporário que teremos que devolver exatamente do jeito que estava antes. Por isso o jeito é investir na criatividade para encontrar soluções mais econômicas na hora de decorar.




Quando me mudei para o meu pequeno apê de apenas 20 m², enfrentei todos os desafios de morar em um apartamento alugado. Mas não desanimei pelas restrições, falta de grana ou por ser temporário. Decorei cada canto colocando a mão na massa e fazendo escolhas conscientes na hora de comprar. E resolvi compartilhar com vocês algumas dicas para decorar um apartamento alugado que eu coloquei em prática aqui no apê. Vamos lá?





MOBILIÁRIO ESSENCIAL E FLEXÍVEL 

Na hora de escolher os móveis, uma boa dica é priorizar móveis que atendam ao que você realmente precisa. Leve em consideração quais são as suas necessidades e não só a vontade de ter esse ou outro móvel. A funcionalidade faz toda a diferença para uma vivência mais confortável no seu espaço. Outra boa dica é optar por móveis que sejam "flexíveis", ou seja, que você possa facilmente levar para qualquer outro imóvel e dar o mesmo uso ou um uso diferente depois.


Exemplos do apê: quando me mudei para o apê, só comprei ou fiz móveis que eu realmente precisasse e que pudesse levar para outro apartamento caso me mudasse. Não tem nenhum móvel no apê que não tenha funcionalidade. Entre os móveis que comprei, optei por uma estante amarela que, além de servir para dispor elementos decorativos e armazenar livros, serve também como mini home office, já que o apê é bem pequeno e todo canto deve ser bem aproveitado. Mas se um dia eu me mudar para um apartamento maior e não precisar mais do mini home office, eu posso facilmente usar a estante com outro propósito e em quase qualquer cômodo. Outros exemplos são o futon, que é meu sofá durante o dia e cama durante a noite, e o móvel usado como hack da TV. Em um apartamento maior onde eu possa ter uma cama, o futon ainda me serve como sofá. E o móvel que hoje é hack da TV pode se tornar um nicho decorativo em um outro cantinho. 



IMPROVISO E CRIATIVIDADE

Improviso e criatividade não podem faltar nunca. Especialmente para quem mora de aluguel, porque com quase toda certeza serão necessários! Muitas vezes falta a estrutura necessária no espaço para ter tudo do jeito que gostaríamos. Ou não vale a pena investir em uma solução mais cara por ser um imóvel alugado. É aí que temos que soltar a criatividade e improvisar!   


Exemplos do apê: no lugar de um armário grande, eu optei por um móvel baixo para guardar roupas. Aproveitei a superfície como uma penteadeira improvisada. E como faltou um pouquinho de espaço para bolsas e acessórios, a solução que adotei foram alguns puxadores de porcelana na parede e um cabideiro de chão para criar o espaço extra.


Como a cozinha do apê é minúscula, o fogão teve que ficar na sala. Por isso eu precisei criar essas prateleiras acima do fogão para ter temperos e outras coisinhas sempre à mão na hora de cozinhar. Na falta de espaço e dimdim para um móvel melhor, uma banqueta alta (pintada no melhor estilo DIY!) acabou fazendo a vez de mesa para a torradeira.

No caso do banheiro, não havia nenhum armário fechado ou compartimento para armazenar as coisas. O jeito foi criar peças simples e baratas para ter espaço de armazenamento, como a prateleira/pendurador de madeira com puxadores de porcelana e o nicho triangular de madeira.


ACESSÓRIOS

Para trazer aconchego e personalidade para o lar abuse dos acessórios, como cortinas, tapetes, almofadas, luminárias e outros elementos decorativos. Em alguns casos, além de decorar, os acessórios podem até ajudar a disfarçar aquelas imperfeições do imóvel. Um piso desgastado é disfarçado por tapetes; paredes manchadas por cortinas, tapeçaria ou panos; e os elementos decorativos, em geral, chamam o olhar para eles e não para a estrutura do espaço.  


Exemplos do apê: eu não uso tantos tapetes e almofadas na decor do apê, mas o pouco que uso já faz diferença para aumentar a sensação de aconchego. As almofadas que ficam jogadas no sofá e nas cadeiras de vez em quando vão para o chão criar novos cantinhos temporários e aconchegantes. Os elementos decorativos estão por toda parte. De forma minimalista e sem exageros, mas com certeza super presentes!



PLANTAS

Além de trazerem mais vida para os ambientes e lembrarem do contato essencial com a natureza, as plantas são super aliadas (e, muitas vezes, o ponto alto) da decoração. Morar de aluguel definitivamente não é desculpa para não ter plantas, hein. Ainda que o apartamento seja pequeno ou receba pouca luz, sempre há possibilidades. E quando você se mudar, suas plantas vão com você!    


Exemplos do apê: apesar de apenas 20 m² e baixa luminosidade, eu consigo ter várias plantinhas aqui no apê. Eu tenho cactos na janela (local com melhor oferta de luz) e folhagens que se adaptam bem a condições de baixa luminosidade, como a Pacová e Zamioculca. Eu realmente sinto a diferença que as plantas fazem na decoração e aconchego.




MUITO 'FAÇA VOCÊ MESMO'

Se o objetivo for decorar um apartamento alugado sem gastar muito e investindo em soluções mais econômicas, não podemos deixar de falar em muita mão na massa e muito 'faça você mesmo'! Além da economia, decorar com as próprias mãos tem um valor enorme e o poder de trazer mais significado às nossas vidas e casas.

Varal de corações e tassel

Exemplos do apê: quase todo o meu apê foi decorado colocando a mão na massa e criando muitos elementos no melhor estilo 'faça você mesmo'. Eu acho gratificante demais me reconhecer em cada cantinho, em cada coisa que eu fiz com as minhas próprias mãos. Aqui no blog você encontra tudo isso com passo a passo (se quiser conferir todos os DIYs do blog, vem por aqui).

Cactos minimalistas para decorar

Cesto de corda


FOTOGRAFIAS

As fotografias são o exemplo mais literal possível de como deixar a decoração com a sua cara, de como decorar com afeto e com memória. E são inúmeras as formas de usar fotos na decoração.  


Exemplos do apê: fugindo um pouco dos tradicionais porta-retratos, eu uso as minhas fotos na decoração de formas diferentes, como em um móbile geométrico e em um móbile boho.




Pode ser desafiador, mas também é gratificante decorar um apartamento alugado e torná-lo totalmente seu. Nem sempre tudo será exatamente do jeito que você quer. Mas lembrar da gratidão, aceitar certas imperfeições, trabalhar a criatividade e improviso sempre ajudam. Seja grato por estar onde está e tire o melhor disso!

Se você gostou das minhas dicas para decorar um apartamento alugado, deixa um comentário. Eu vou adorar saber o que você achou! :)





2 comentários:

  1. Que post maravilhoso!!! De utilidade pública! Vou compartilhar! Mas é exatamente isso... as limitações podem ser várias, mas elas foram feitas para serem contornadas, né não?
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ju, que felicidade ler seu comentário! É um super elogio saber que você gostou tanto porque eu acho que você sempre arrasa muito nesse tipo de post com dicas.
      É isso, Ju. Com jeitinho sempre podemos contornar as dificuldades e limitações, tirando o melhor da experiência.
      Super beijo!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...